fbpx

Diabetes e abstinência alcoólica

As pessoas com diabetes não precisam necessariamente abandonar totalmente o álcool, mas devem limitar seu uso, de acordo com as recomendações da Associação Americana de Diabetes (ADA):

– Os homens não devem beber mais de 2 copos por semana.
– As mulheres não devem beber mais de 1 copo por semana.

No caso dos alcoólatras, se receberem o diagnóstico de diabetes devem mudar drasticamente esse hábito para proteger a sua saúde e prevenir o risco de muitas outras doenças (hipertensão, fibrose, insuficiência hepática, insuficiência renal, distúrbio mental).

Se você ou o seu ente querido estão se perguntando como parar o alcoolismo, dê uma olhada nessas três recomendações para começar a deixá-lo.

Pergunte ao seu médico

Ansiosos e preocupados após o diagnóstico de diabetes, muitas pessoas correm para encontrar uma maneira de deixar de beber, esquecendo que o primeiro passo é consultar o médico. Com a sua experiência, o seu médico irá aconselhá-lo e indicará o melhor tratamento para parar com o alcoolismo. Se você parar de beber de repente, pode ficar cansado, sofrer uma crise nervosa e agravar a diabetes. Além disso, o médico também atua como supervisor, garantindo que você não perca sua motivação durante o período em que você abandona o vício.

Procurar apoio

Há muitos casos em que, quando descobrem que têm diabetes, as pessoas sentem-se autocríticas, angustiadas e não se atrevem a falar com a família ou amigos. Isso é um erro, porque o apoio e a empatia da família e dos amigos são a chave para uma vida feliz. Em particular, falamos sobre a determinação para reduzir o consumo de álcool. Comunique o seu plano de abstinência alcoólica para aqueles que o rodeiam para que eles possam supervisioná-lo, incentivá-lo e ajudá-lo mais.

Além disso, os amigos e familiares são um sólido apoio para nós quando enfrentamos as dificuldades e os desafios da vida. Resolver problemas juntos tirará o estresse e a decepção da realidade, evitando os “gatilhos” invisíveis que nos levam de volta ao alcoolismo.

Definir metas realistas

Nunca pense que você pode parar de beber álcool em um piscar de olhos. É um processo longo que requer determinação e coragem. Você pode dividir o plano de tratamento em diferentes fases com objetivos específicos e práticos. Definir um objetivo muito alto pode fazer com que seu plano falhe. De fato, a maioria das pessoas que esperam parar de beber em uma semana ou duas geralmente não conseguem.

A partir da consulta com o seu médico, reduza gradualmente a frequência de consumo de álcool, de várias vezes por dia para uma vez por dia, e na sequência comece também a reduzir a quantidade, até que o consumo não seja mais necessário.

 

2019-05-07T09:12:58+00:00abril 26th, 2019|Bons Hábitos, Diabetes, Nutrição|