Mitos sobre o diabetes2019-01-25T09:29:07+00:00

MITOS SOBRE O DIABETES

Assim como acontece com outras doenças, muito se ouve falar sobre o diabetes. Se está em dúvida se uma informação procede ou não, o melhor a fazer é procurar seu médico antes de tomar qualquer decisão.

Mito. O diabetes causa 3.7 milhões mortes ao ano, mais que o câncer de mama e a AIDS juntos. As complicações da doença danificam uma série de órgãos vitais no corpo, como o sistema cardiovascular, o sistema nervoso, os rins e os olhos. Entretanto, quando diagnosticada a tempo, as pessoas com diabetes podem viver de forma saudável.

l uma vez que tenham um estilo de vida saudável.

Mito. A obesidade sim é um fator de risco para o aparecimento do diabetes tipo 2, assim como antecedentes familiares, hipertensão arterial, idade avançada. O que ocorre é que consumir açúcar em excesso pode contribuir para o aumento de peso.

Esta afirmação é verdadeira em partes. Uma vez que o diagnóstico do tipo 1 se dá mais rapidamente pelo aparecimento agressivo dos sintomas, sendo facilmente notados. Já no diabetes tipo 2, em geral, os sintomas são mais sutis, menos evidentes e o diagnóstico pode tardar. Esperar até que apareçam sintomas para tratar o diabetes significa correr riscos. Passe em consulta médica e faça exames regularmente.

Mito. A diabetes é uma doença potencialmente hereditária, mas não é infecciosa. Se tiver familiares com diabetes, seu risco de desenvolver a doença será maior.

Mito. Em teoria, as pessoas com diabetes só precisam seguir uma dieta saudável e nutritiva. Não necessariamente tem que seguir nenhuma dieta fixa. O importante é evitar os excessos. Além disso, cada pessoa tem diferentes características de saúde. Uma comida que é boa para uns não significa que seja boa para outros. Uma ótima pedida é consultar sempre um nutricionista.