fbpx
O diabetes gestacional2019-01-22T09:34:18+00:00

A DIABETES
GESTACIONAL

Segundo as estatísticas do Centro para o Controle e a Prevenção de Doenças, dos Estados Unidos (CDC), aproximadamente o 9,2% das grávidas têm diabetes gestacional.

A doença pode criar muitas complicações perigosas para a mãe e a criança, mas pode ser controlada facilmente se diagnosticada cedo e seguindo o tratamento.

O QUE É O DIABETES GESTACIONAL?
line-sperator

Durante a gravidez, o útero secreta hormônios para ajudar ao bebê a crescer. Entretanto, estes hormônios também fazem que o corpo da mãe perca a capacidade de usar a insulina para converter a glicose em energia.

Em alguns casos, o pâncreas produz 3 vezes mais insulina para equilibrar. Se o pâncreas não produzir suficiente insulina, diagnostica-se a diabetes gestacional.

Esta afecção geralmente ocorre a partir da 24ª semana da gravidez e desaparecerá depois do parto. Mas quando não se diagnostica nem se trata imediatamente, a diabetes na gravidez implica muitos riscos para a saúde.

AFETA TANTO À MÃE COMO AO BEBÊ
line-sperator

Deve ficar atento com esta doença! A diabetes gestacional não afetará muito a gravidez se seguir as instruções do médico, mas a doença causará consequências em longo prazo, por isso não vale a pena arriscar nem a mãe nem o bebê.

COMPLICAÇÕES NA MÃE

COMPLICAÇÕES NO BEBE

SINTOMAS INVISÍVEIS
line-sperator

A diferença da diabetes de tipo 1 e 2, a diabetes gestacional não apresenta nenhum sintoma. A única forma para detecção precoce da doença é ir às consultas médicas regulares e revisar a glicose no sangue durante a gravidez. As testes de diabetes são muito simples, indolores e não afetam nem você nem seu bebê.

Faça o controle da glicemia por sua própria saúde e a do bebê.

Qualquer um pode ter diabetes gestacional, deve revisar a glicose no sangue com frequência caso pertencer a um destes grupos de risco:

  • Tem 25 anos ou mais

  • Com antecedente diabéticos na família

  • Obesas, com um IMC = 30

  • Com síndrome do ovário poliquístico

  • Que deram a luz a um bebê com microssomia